• Ramos & Silva Advogados Associados

Denuncie.

Você deve ter visto as cenas revoltantes da violência doméstica sofrida por Pamella Holanda. E deve ter ficado chocado pelo fato acontecer na frente da filha do casal e de mais duas pessoas, que nada fizeram.


Então vamos entender o que fazer para denunciar casos de violência doméstica?





1- Independentemente se você for vítima ou testemunha, chame a polícia nos números 190, 193, 197 ou 180 o mais rápido possível.


2- Se você foi vítima de agressões, vá até uma delegacia imediatamente e registre uma ocorrência. Quanto mais rápida você for, mais fácil é provar as lesões sofridas.


3- Dê o máximo de detalhes possível e aceite fazer exame de corpo de delito se necessário. Se tiver fotos, vídeos ou testemunhas do ocorrido informe a polícia. Isso será muito importante para a condenação do agressor.


E o mais importante: denuncie. As agressões domésticas costumam acontecer em ciclos, ou seja, elas irão se repetir:

1- O ciclo começa com o aumento da tensão, quando tudo irrita o agressor, que pode chegar a humilhar a mulher e ter crises de raiva.

2- O ato de violência: o agressor pratica a violência. Toda a tensão acumulada se transforma em violência física, verbal, psicológica ou patrimonial. Nessa fase costuma haver um distanciamento entre o homem e a mulher, que pode ser aproveitado para tomar decisões, denunciar, se mudar para a casa de parentes e amigos ou pedir a separação, por exemplo.

3 - A “lua de mel”: fase em que o agressor se arrepende e pede perdão, fazendo de tudo para reconquistar a mulher. Esse período costuma ser calmo, até que a tensão aumenta novamente, voltando ao início do ciclo.


Quebre o ciclo. Com o tempo, as fases calmas do ciclo costumam ficar menores, até que as agressões passam a acontecer o tempo todo, com mais intensidade.


Você já passou por isso? Compartilhe esse post com uma amiga que precisa saber disso.


_____

Ramos & Silva Advogados Associados

OAB/SC 5701

Contato:

📲 (48) 9 9914-7416

📧 flavia@ramosesilvaadv.com


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo